Três tradicionais estreiam nesta rodada na Segundona Mineira

Três tradicionais estreiam nesta rodada na Segundona Mineira

Mesmo com duas semanas de bola rolando na Segundona Mineira, há equipes que ainda não estrearam no Campeonato Mineiro da Segunda Divisão. Como é o caso das quatro equipes do Grupo B: Coimbra, Siderúrgica, Social e Valeriodoce, sendo que esses três últimos são os mais tradicionais do grupo. Saiba um pouco mais sobre as equipes do Grupo B.

O Esporte Clube Siderúrgica, da cidade de Sabará, não poderá jogar em seu estádio, o Eli Seabra Filho (mais conhecido também como Praia do Ó) por conta da falta de estrutura que a Federação Mineira de Futebol (FMF) exigiu. Com isso, a equipe de Sabará fez um acordo com o Valeriodoce e jogará as suas partidas como mandante no Estádio Israel Pinheiro, em Itabira. O clube de 81 anos já foi duas vezes campeão do Campeonato Mineiro: em 1937 e 1964, quatro vezes do Torneio Início: em 1942, 1951, 1956 e 1965) e uma vez da Copa Belo Horizonte – Juiz de Fora: em 1961. A equipe não disputava uma competição profissional há muitos anos, mas em 2007 reativou o seu departamento profissional e participou da Segundona Mineira, onde fez uma péssima competição e terminou na última colocação de seu grupo. Agora, após quatro anos, está de volta ao futebol profissional.

O Social Futebol Clube, da cidade de Coronel Fabriciano, é outra tradicional equipe do futebol mineiro que estará na disputa do Campeonato Mineiro da Segunda Divisão. A equipe já conquistou uma vez o Campeonato Mineiro da Segunda Divisão (1995) e duas vezes o Campeonato Mineiro do Módulo II (1996 e 2007). Em 2009, quando estava na elite mineira, o clube caiu para o Módulo II. Mas o presidente do clube resolveu não disputar daquela competição, para que a equipe colocasse as dívidas em dia. Sem jogar o Módulo II, a equipe foi automaticamente rebaixada para o Campeonato Mineiro da Segunda Divisão, onde disputará este ano com uma boa estrutura e jogadores experientes no elenco, como é o caso do goleiro Rodrigo Posso, que já teve boas passagens pelo Cruzeiro e Ipatinga. Outro experiente é o atacante Euler, que já passou por várias equipes e está em sua terceira passagem no Social. Cinco empresas investirão na equipes este ano: Usiminas, Emalto, Unimed Vale do Aço, Amdi e Banco BMG.

O Valeriodoce Esporte Clube é a outra tradicional equipe que compões o Grupo B do Campeonato Mineiro da Segunda Divisão 2011. Com 68 anos de idade, a equipe de Itabira (cidade de Carlos Drumond de Andrade) foi fundada por funcionários da empresa estatal Vale do Rio Doce. Dentre os títulos mais importantes da história do clube, estão as conquistas do Torneio Início (em 1962 e 1969), Campeonato Mineiro do Módulo II (em 1965) e o título de campeão mineiro do interior (em 1971).
Quem comandará o Valeriodoce em sua jornada na Segundona Mineira será o técnico Gilmar Estevam, que estava há alguns anos no América de Teófilo Otoni, onde realizou um excelente trabalho, levando em pouquíssimo tempo a equipe da Segundona Mineira ao título de campeão do interior. A expectativa do presidente do Valeriodoce, Luzardo Drumond, é que em 2013 a equipe já esteja na divisão especial de Minas Gerais.

Quem completa o Grupo B é o Coimbra Esporte Clube, equipe fundada em 2005, mas que participou profissionalmente apenas ano passado, onde firmou uma parceria com o Itaúna Esporte Clube, mas não deu certo e a equipe não avançou para a segunda fase da competição. A equipe, que conta com um apoio do Banco BMG, fechou uma parceria com o Venda Nova Futebol Clube, que é gerido pelo empresário Roberto Tibúrcio, que estará a frente do Coimbra na Segundona Mineira. Assim como o Venda Nova, a ideia do Coimbra será jogar a competição com idade até 21 anos, para que a equipe possa revelar bons atletas para o futebol mineiro. O clube fechou, também, parceria com o Villa Nova, onde a equipe de Nova Lima cedeu alguns jogadores da equipe júnior e o Estádio Castor Cifuentes, o ‘’Alçapão do Bonfim’’, em Nova Lima. Outra equipe que firmou acordo com o Coimbra é a Caldense, que cedeu os atacantes Renatinho, de 21 anos, e Juninho, de 18 anos.

2 thoughts on “Três tradicionais estreiam nesta rodada na Segundona Mineira

  1. Anonymous

    é meu caro vitor,so o araguari devido a briga politica na cidade,nao consegue parceria com ninguem,nem patrocinador´,esta é a realidade,a prefeitura so joga contra,prefere apoiar o futebol amador da cidade,triste saber,qeu uma cidade de mais de 100 mil habitantes,ainda tem este pensamento

  2. Anonymous

    Muito bom o artigo!!

    Só uma ressalva, o Social não foi “automaticamente rebaixado”, uma vez que não entrou no Módulo II. Ele está na Segunda Divisão porque é a última, se houvessem outras divisões anteriores ele não seria rebaixado para a Segunda Divisão e teria que recomeçar da última como qualquer time que esteja fora das competições.

    Tanto é assim o raciocínio que, mesmo com apenas 11 equipes, o Módulo II 2010 rebaixou 2 normalmente, uma vez que a ausência do Saci não queimou rebaixamentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *