Figueirense não encontra Atlético-TC em campo, leva cinco e é goleado dentro de casa

Figueirense não encontra Atlético-TC em campo, leva cinco e é goleado dentro de casa

Figueirense não encontra Atlético-TC em campo, leva cinco e é goleado dentro de casa

Por Eduardo Silva | AlternaFut

O Atlético Clube Três Corações não tomou conhecimento de seu adversário na partida disputada no último domingo (25) e goleou o Figueirense, em São João del-Rei. A torcida do Tigre do Bom Pastor pouco tempo teve para fazer alguma festa, sendo silenciada já no primeiro tempo por dois gols da equipe tricordiana. No segundo tempo, a equipe sul-mineira fechou a conta em 5×0.


O placar elástico do Galo do Sul rendeu a equipe a liderança do Grupo A da Segundona Mineira, empatada em pontos com o Pouso Alegre. Os cinco gols marcados no domingo deram a equipe o maior saldo de gols do grupo, com sete gols feitos no campeonato, e nenhum sofrido.

Já a equipe do Tigre do Bom Pastor, após a segunda derrota seguida, se encontra na última colocação do grupo, vendo uma possível classificação se desmanchando no ar. O Figueirense possui a terceira pior defesa do campeonato, tendo cedido oito gols em três partidas.

Com sotaque camaronês, Três Corações goleia Figueirense com requintes de crueldade

A partida implacável do Atlético passou algumas vezes pelos pés de Arnold, atleta camaronês da equipe do Galo do Sul. O atacante viveu partida inspirada e foi fatal nesta tarde de domingo, encerrando a partida com um gol e uma assistência. O jogador expressou alegria em palavras dadas à imprensa, mas afirmou que a equipe tem que se concentrar para o próximo jogo, para fechar a conta e garantir a classificação.

Outro destaque da equipe do sul de minas no jogo foi Ingro, que marcou dois na partida. O segundo gol do atacante, e quinto de sua equipe, foi o lance mais bonito do jogo. O “9” do Atlético recebeu a bola na intermediaria sozinho e, ao se deparar com Neto, encobriu o goleiro com requintes de crueldade, para fechar a conta no Estádio Paulo Campos.


Primeiro tempo movimentado, com superioridade do Três Corações

A primeira metade da partida foi marcada por muitos chutões para o alto, e pela dura marcação do Atlético. A equipe dominou ofensivamente o início do jogo, fazendo muitas jogadas pelo lado direito. Aos 16 minutos, Ingro marcou o primeiro gol da partida após cruzamento feito pela esquerda. Aos 24 minutos, o treinador do Figueirense, Beto, fez sua primeira alteração, colocando Iago no lugar de Pedrinho. A mudança inicialmente deu resultado, aumentando o volume ofensivo da equipe de São João del-Rei, entretanto, o jogo mais ofensivo não se transformou em gols.

Na metade final do primeiro tempo, aos 31 minutos, o Três Corações aproveitou um bom contra-ataque e marcou o segundo gol do jogo. Daniel fez boa jogada pela esquerda e finalizou no canto do goleiro Neto.

Mais três gols do Atlético na segunda etapa

A equipe da casa até que tentou ser mais direta ofensivamente na segunda etapa, mas foi logo contida pelo gol de Arnold, aos 4 minutos. Após o gol, o Figueirense ainda tentou mudar seu destino. O treinador Beto fez algumas substituições, mas o time pouco criava e abusava dos cruzamentos, que em geral, acabavam sem finalização.
Aos 27 minutos, o lateral direito Maycon, que entrou no segundo tempo, aproveitou a boa jogada de Arnold pela esquerda e fez o quarto gol do Galo do Sul.

Mas o golpe de misericórdia veio aos 29 minutos, quando Ingro recebeu a bola sozinho na intermediaria, e frente a frente com o goleiro Neto, teve frieza para encobrir o arqueiro do Figueirense.

A Livewell Soccer é Parceira Oficial do Portal da Segundona Mineira

Beto Canhota não comparece à coletiva para participar de reunião com a diretoria após o jogo

Após a derrota acachapante do Figueirense dentro de casa, o treinador do Tigre do Bom Pastor participou de uma reunião com a diretoria do clube. Após a reunião, foi decidido que Beto Canhota segue como treinador da equipe de São João del-Rei, informação confirmada pela assessoria de comunicação do clube.

O zagueiro do Figueirense, Adriano, pontuou na coletiva de imprensa: “futebol é uma oportunidade, tem que chegar e fazer! Infelizmente a bola não entrou e nós levamos cinco. Isso não pode acontecer. Já que levamos um, dois, tínhamos que fechar a casinha. Mas o time abriu, e infelizmente sofremos os gols”.

Próximos jogos
As duas equipes voltarão a se enfrentar no próximo domingo, dia 1º de setembro, em jogo válido pela quarta rodada da Segundona do Mineiro. O jogo acontecerá no Estádio Municipal Elias Arbex, em Três Corações, e terá início às 10h00.

A Kickball tem tudo para o seu clube. CLIQUE AQUI e entre em contato!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *